Livro

LANÇAMENTO !!! Meu livro “Informática para Concursos – Teoria e Questões”, 3a edição, editora FERREIRA.

Link: https://www.editoraferreira.com.br/1/47/176/224/editora-ferreira/livros/informatica-para-concursos/

21 de setembro de 2007

Os modelos de documentos utilizados no editor de texto MS Word normalmente utilizam formato de arquivo? Marcia Cristina - Palmas/TO

36. Os modelos de documentos utilizados no editor de texto MS Word normalmente utilizam formato de arquivo:
(A) .dot (B) .doc (C) .wri (D) .mod (E) .rtf
Correto a alternativa A, aplicação direta da definição.
Só lembrando:
bat - os arquivos de lote nada mais são que arquivos-texto que contém uma série de comandos DOS em sequência. Seria uma forma "primitiva" de programação, uma maneira de automatizar operações para facilitar a vida do usuário. Uma exceção é concedida ao arquivo AUTOEXEC.BAT, particularmente importante para PC´s que utilizem DOS e Windows 3.x. Este arquivo de lote é necessário para que o sistema operacional funcione corretamente, uma vez que ele executa uma série de operações essenciais na inicialização do computador: carregar drivers de configuração de teclado e vídeo, carregar TSR´s (programas residentes na memória, como anti-vírus ou compactadores de disco rígido), definir variáveis de ambiente
, etc.
com - têm a mesma função dos arquivos .exe, mas ficam carregados diretamente na memória durante todo o tempo em que o computador estiver ligado. Exemplos: command.com (interpretador de linha de comando do DOS; é praticamente o DOS em si), win.com (núcleo do Windows)
doc – documento no WORD
dll - sigla em inglês para dynamic link library, ou biblioteca de vínculo dinâmico. Imagine este arquivo como sendo um "pedaço" de um arquivo executável. A maioria dos aplicativos escritos para Windows executam algumas funções comuns, como abrir e salvar arquivos, configurar impressoras, gerenciar cores do vídeo, tocar sons, etc. Se cada aplicativo abrigasse tais funções em seu próprio arquivo executável, o tamanho de tal arquivo seria enorme, o que consumiria rapidamente o espaço disponível no HD, além de tornar penoso o processo de instalação do mesmo em outros micros. Convencionou-se então de "quebrar" o executável em várias partes menores, e as partes que executassem funções comuns seriam armazenadas num diretório acessível a todos os aplicativos. Tais partes foram então chamadas de dll´s, e o diretório comum aos aplicativos é conhecido como \WINDOWS\SYSTEM. O próprio Windows já oferece uma grande quantidade de dll´s com várias funções úteis, simplificando a vida do programador, padronizando o sistema e diminuindo o tamanho final do aplicativo.
dot – modelo, usado pelos aplicativos do pacote OFFICE
exe - são os arquivos executáveis, ou seja, arquivos binários que executam alguma ação específica e produzem algum resultado. Exemplos: notepad.exe (bloco de notas), sol.exe (paciência), deltree.exe (executável do DOS utilizado para excluir diretórios).
mod - Planilha eletrônica Microsoft Multiplan
rtf - Rich Text Format é um formato de arquivo que vários processadores de texto entendem; é utilizado com freqüência quando o documento é criado em um processador de texto mas poderá ser editado em outro. No entanto, é possível que ocorra a perda de alguns tipos de dados ou de formatação quando usado.
tmp - extensão adotada para definir os problemáticos arquivos temporários. Alguns aplicativos muito complexos (como o Microsoft Word e o Microsoft Visual Basic) precisam trabalhar com alguns valores binários e configurações simultaneamente à operação do próprio programa para o seu bom funcionamento. Em certas situações, tais valores gerados pelos aplicativos são enormes, o que inviabilizaria o uso da memória RAM como meio de armazenamento. Adotou-se como solução a utilização de arquivos temporários, que seriam criados no HD do usuário, armazenariam todas as informações necessárias ao funcionamento do mesmo e seriam excluídos quando o programa fosse descarregado da memória do computador. Acontece que, se o aplicativo for mal escrito e não excluir todos estes arquivos quando for finalizado, ou se o micro travar durante a execução do mesmo, os arquivos temporários podem continuar gravados no disco rígido do usuário indefinidamente, ocupando um espaço desnecessário.
txt - ao contrário dos dois tipos de arquivos acima, os arquivos-texto não são compostos por números binários, e sim por caracteres ASCII. Sendo assim, eles não executam nenhuma ação, servem apenas para armazenar dados.
vxd - são conhecidos como drivers de dispositivos e drivers virtuais. São arquivos que permitem que o sistema operacional se comunique com os componentes de hardware de seu computador.
wri - Documento do Write, editor de texto do pacote OPEN – OFFICE.

Nenhum comentário:

Postar um comentário