Livro

LANÇAMENTO !!! Meu livro “Informática para Concursos – Teoria e Questões”, 3a edição, editora FERREIRA.

Link: https://www.editoraferreira.com.br/1/47/176/224/editora-ferreira/livros/informatica-para-concursos/

17 de maio de 2007

Os vírus de script? Anísia Santana - DF

Ok, gosto muito do texto que se segui.
Categorias de vírus - os vírus de script - 12/8/2002 - 19:17 Redação InfoGuerra
O que é um script? Bem, uma definição rápida é: um script é uma lista de comandos que podem ser executados sem interação do usuário. Por favor, enfatize as últimas palavras, "sem interação do usuário". Isso significa que você não sabe o que eles realmente estão fazendo. Por que isso é importante? Há duas grandes categorias de vírus de script. Elas estão divididas em conexão direta com a linguagem em que os scripts são escritos. A mais comum é VB Script ou VBS (VB é a sigla de Visual Basic). Como você pode dizer que eles são um VB Script? É muito simples: eles possuem o prefixo .vbs.Há alguns "assassinos" reais nesta categoria, mas vou nomear apenas dois deles: VBS.LoveLetter e VBS.Plan.A. Outros mais "leves" são VBS.Breetnee, VBS.Zacker e VBS.VBSWG.AQ@mm. Muitos dos vírus de script são também mass-mailers(VBS.Breetnee e algumas versões do VBS.LoveLetter, inclusive). Normalmente, são vírus muito feios (se eles cruzarem seu caminho você vai entender o que eu quero dizer com "feio"). A outra categoria de vírus de script é a JS. Sim, Java Script, é claro. Levando em conta que há pelo menos um script Java em todos os grandes Web sites (estou apenas admitindo isso, já que não tive tempo de checar todos) a existência de vírus JS é bastante perigosa. Neste ponto, tenho um nome para você que deve trazer alguma recordação: Js.Nimda. Bacana, não? Outros são JS.Coolnow, JS.Seeker, JS.Trojan.Seeker, etc. Embora não tanto quanto seus "irmãos" (vbs), eles podem provocar bastante dano, se for essa a intenção. E já que na Web há muito mais páginas com Java Scripts do que com VB Scripts, eles podem ser perigosos. Uma coisa importante: vírus JS normalmente não são mass-mailers (e eu espero que isso permaneça assim).
Texto de Radu Dumitru, da equipe de suporte técnico da BitDefender. Tradução de Giordani Rodrigues.

Nenhum comentário:

Postar um comentário